Terminal Aéreo Cel. Virgílio de Morais Fernandes Távora

AS INFORMAÇÕES BÁSICAS:

O Terminal Aéreo Coronel Virgílio de Morais Fernandes Távora está localizado no final da Rua Maria de Nazaré Bezerra, s/nº, no Bairro de Nossa Srª de Fátima, na cidade de Boa Viagem, no Estado do Ceará.

Governado Dr. Lúcio Gonçalo de Alcântara.

Imagem do Governador Dr. Lúcio Gonçalo de Alcântara desembarcando na pista do Terminal Aéreo Cel. Virgílio de Morais Fernandes Távora, na cidade de Boa Viagem, em 2006.

Um pequeno aeroporto também pode ser chamado de campo de aterrissagem, terminal aéreo, campo de pouso, campo de aviação ou até mesmo de aeródromo, sendo um local dotado de facilidades para dar apoio as operações de embarque e desembarque de pessoas, ou de mercadorias, em aeronaves.
É comum ao aeroporto da cidade de Boa Viagem ser utilizado nos períodos eleitorais, ou quando existe alguma emergência médica.

A BASE LEGAL DE SUA NOMENCLATURA:

Esse equipamento de transporte aéreo, mesmo sendo conhecido pelo nome do Cel. Virgílio de Morais Fernandes Távora, ainda não possui a sua nomenclatura regulamentada pelo poder público.

O PRIMEIRO CAMPO DE POUSO:

O primeiro equipamento público destinado a pousos e a decolagens, e que servia de terminal aéreo para o Município de Boa Viagem, localizado no Sertão de Canindé, no Estado do Ceará, foi construído nos primeiros anos da década de 1950, na gestão do Prefeito Delfino de Alencar Araújo.

Primeiro campo destinado a pousos e decolagens do Município.

Imagem da primeira pista destinada a pousos e a decolagens do Município de Boa Viagem, em 2013.

Esse campo de pouso era localizado a pouco mais de 5,5 quilômetros do Centro da cidade de Boa Viagem, em uma localidade denominada de Capitão-Mor, sendo que a sua pista não possuía nenhuma marcação especial de identificação, tendo pouco mais de 1 quilômetro de extensão e o seu piso era de piçarra batida, não possuindo nenhum tipo de nomenclatura oficial.
De acordo com o historiador e memorialista Prof. Cícero Pinto do Nascimento, em sua obra “Memórias da Minha Terra”, nessa época, por conta de uma longa estiagem, em uma parceria firmada entre a Paróquia de Nossa Senhora da Boa Viagem e a Governo Municipal, foram utilizados a mão de obra de agricultores famintos que trocavam a sua força de trabalho por gêneros alimentícios:

“O Padre Irineu Limaverde Soares, em abril de 1954, iniciou os trabalhosa do campo de pouso, no Capitão-Mor, com um grupo de homens famintos, que bateram à porta da casa paroquial, à procura de trabalho.” (NASCIMENTO, 2002: p. 88)

Durante alguns anos esse foi o terminal aéreo utilizado por aqueles que visitavam o Município até que, no dia 15 de agosto de 1978, na gestão do Prefeito Benjamim Alves da Silva, na localidade de Jacaúna, distante 3 quilômetros do Centro da cidade, um novo campo de pouso foi inaugurado, ganhando o nome do Coronel Virgílio de Morais Fernandes Távora, na época Governador do Estado do Ceará.
Depois disso, o velho campo de pouso passou a ser utilizado como uma simples estrada e muitos que passam diariamente por ela nem sabem de sua utilização no passado.

O SEGUNDO CAMPO DE POUSO:

Em nossos dias, não diferente daquela época, a estrutura do Campo de Pouso Coronel Virgílio de Morais Fernandes Távora continua a ser bem simples, possuindo apenas uma pista com pavimento asfáltico e as suas operações só podem ser realizadas durante o dia, pois não possui iluminação.

Imagem do antigo terminal aéreo, em 2007.

Ainda sobre essa estrutura, desde a sua construção, o aeroporto possuía um modesto terminal, com sanitários e assento de espera que, com o passar dos anos, foi aos poucos sendo destruído por vândalos e usuários de droga que costumam frequentar o local.
Nos primeiros meses de 2007, na gestão do Prefeito José Vieira Filho, o Mazinho, o terminal passou por uma pequena reforma, mas continuou a ser criminosamente atacado pelos delinquentes da vizinhança.
Mais tarde, sem nenhum tipo de vigilância, nos primeiros meses de 2011, desejando afastar os desocupados do local, na gestão do Prefeito Dr. Fernando Antônio Vieira Assef, o Governo Municipal infelizmente optou por demolir o humilde terminal.

Imagem do terminal depois da reforma, em 2009.

Vale lembrar que, mesmo sendo pouco utilizada, em caso de um pouso de emergência, a pista desse campo não se constitui na melhor opção para quem precisa, pois além do desconforto para os passageiros e visitantes o local não dispõe de segurança na aterrissagem, pois constantemente encontramos animais e pessoas perambulando pela pista.
Além dos animais na pista, registramos que esse local é constantemente utilizado por aqueles que estão aprendendo a dirigir motocicletas ou carros, sendo um local de passagem para quem vai para o Açude Público Prefeito José Vieira Filho.
Sobre os seus equipamentos, vale lembrar que o único instrumento de informação existente nessa pista para auxiliar aos pousos e as decolagens, a biruta, foi totalmente destruída pela ação do vento.
Mais tarde, nos primeiros meses de 2014, por conta do descuido do Governo Municipal com esse importante equipamento, um grupo de pessoas oportunistas, residentes no Bairro de Nossa Srª de Fátima, invadiu criminosamente a sua área e passou a lotear a margem da pista de pouso das aeronaves, causando indignação na opinião pública.

Biruta.

Imagem do poste sem o equipamento de biruta, em 2013.

Pouco tempo depois, em 2015, conforme matéria publicada na página policial do jornal Diário do Nordeste, do dia 22 de abril, a Polícia Federal passou a monitorá-la por conta da existência do tráfico de drogas:

“Em quatro dias, foram dois casos descobertos pela Polícia em que o tráfico de drogas utilizou aviões para inserir entorpecentes no Ceará. Em ambos a entrega foi frustrada. No primeiro caso, um monomotor caiu na divisa do Ceará com o Piauí, no dia 11. Já na segunda ocorrência, na terça-feira (14), a aeronave pousou em Boa Viagem e Canindé, chegou a fazer uma entrega, mas foi interceptada.”

No dia 14 de setembro de 2018, devido ao baixo uso desse equipamento, os moradores da cidade foram tomados de surpresa por conta de um pequeno acidente que ocorreu no local por conta da falta de manutenção.

Na manhã desta sexta-feira, dia 14, um avião acabou tendo que pousar as pressas no campo de pouso deste Município. O avião tinha como destino final o Município de Tauá, no entanto teve de interromper o seu trajeto e fazer um pouso forçado no Campo de Aviação do Município. Entre os passageiros estava Celiton Luiz Costa de Oliveira, dono da Construtora CLC, empresa responsável por realizar obras de manutenção em rodovias que cortam o Estado do Ceará… Por telefone Celiton disse estar bem, e que os danos foram materiais.  O empresário continuou a sua viagem de carro e está no Município de Monsenhor Tabosa. Segundo ele a viagem é para tratar da situação de obras na região do Sertão cearense. De acordo com ele, o pouso forçado foi devido a problemas no trem de pouso e que o piloto do avião continua no local do incidente. Apesar de ter contratado a empresa aérea para o serviço, Celiton não soube informar o nome da prestadora e nem detalhes do avião… Uma equipe do hospital foi destinada ao local para auxiliar, caso houvesse alguém machucado. Até o fechamento desta matéria a aeronave permaneceu no local aguardando a chagada da Perícia.” (disponível em http://www.sertnews.com.br/noticia/343/em-boa-viagem-piloto-faz-pouso-forado-em-avio-aps-pane-no-motor. Acesso no dia 14 de setembro de 2018)

Pouco tempo depois do acidente, que não deixou vítimas, o avião foi retirado do local por um veículo contratado pela empresa proprietária da aeronave, que o levou para manutenção.

Imagem do avião danificado, em 2018.

AS CARACTERÍSTICAS DO CAMPO:

Para quem quer utilizar essa pista de pouso faz-se necessário conhecer algumas características técnicas do local, sendo elas:

Administração: Governo do Município.
Tipo: Público
Latitude: 04°19’495” (S)
Longitude: 94º 31’126” (W)
Código ICAO: SNMB
Hora local: UTC-3.0
Altitude: 309 pés
Pista: 1.100 m
Comprimento: 20 m
Piso: Pavimento asfáltico
Sinalização: Não
Terminal de passageiros: Não
Área de estacionamento para naves: Não
Torre de controle: Não
Bombeiros: Não
Socorro médico: Não
Energia elétrica: Não
Água: Não

Imagem de animais na pista, próximo da pista de pouso.

O CONTATO:

Os canais de contato com os administradores do Aeroporto Coronel Virgílio de Morais Fernandes Távora são os seguintes:

  • Telefone:
  1. 88.3427-1132 (Secretaria da Infraestrutura);
  2. 88.3427-7001 (Gabinete do Prefeito).