João Saraiva Leão

João Saraiva LeãoJoão Saraiva Leão nasceu no dia 29 de fevereiro de 1932 no Município de Boa Viagem, que está localizado no Sertão de Canindé, no Estado do Ceará, distante 217 quilômetros da cidade de Fortaleza, sendo filho de Manoel Saraiva de Sousa e de Alexandrina Francisca do Nascimento.
Na época do seu nascimento o Município de Boa Viagem não dispunha de uma casa de parto, fato que obrigou aos seus pais a contar com os valiosos serviços de uma parteira na vila de Olho d’Água do Bezerril, onde passou toda a sua existência:

“Durante muitos anos, os únicos profissionais de saúde existentes em nossa região foram às parteiras, mulheres que normalmente recebiam esse aprendizado de forma hereditária, ou seja, a filha de uma parteira acompanhava a sua mãe no atendimento às mulheres em trabalho de parto auxiliando-a de acordo com as necessidades do momento, possibilitando, assim, após algum tempo de prática, o aprendizado para continuidade do ofício.” (SILVA JÚNIOR, 2016: A História da Saúde no Município de Boa Viagem. Disponível em http://www.historiadeboaviagem.com.br/saude/. Acesso em 25 de outubro de 2016)

Quando chegou a sua idade escolar, por conta da inexistência de escolas, os seus pais contrataram os serviços de uma professora particular, que semanalmente vinha tomar-lhe algumas lições.
Segundo informações existentes no livro B-02, pertencentes ao Cartório Conceição Gomes, no Distrito de Ibuaçu, no Município de Boa Viagem, tombo nº 384, folha 71, no dia 30 de abril de 1957 contraiu matrimônio com Maria do Carmo Chaves Leão, que era nascida no dia 17 de outubro de 1937, sendo filha de Manoel Pedro Martins e de Odélia Bezerra Chaves.
Desse matrimônio foram gerados oito filhos, três homens e cinco mulheres, sendo eles: Manoel Eurico Chaves Leão, Maria Iaci Chaves Leão, Maria Aparecida Chaves Leão, João Saraiva Filho, Ieda Maria Chaves Leão, José Eliardo Chaves Leão, Suzana Maria Chaves Leão e Maria Jocélia Chaves Leão.
Na eleição municipal ocorrida no dia 15 de novembro de 1976, desejando entrar na vida pública por meio de um mandato eletivo na Câmara Municipal de Vereadores, militando nos quadros políticos da ARENA, a Aliança Renovadora Nacional, com a legenda nº 2.102, conseguiu ser eleito ao exercício de seu único mandato no Poder Legislativo.
No dia 5 de março de 1977, no exercício de sua função, apresentou requerimento à mesa diretora da Câmara Municipal solicitando ao gabinete do prefeito a instalação de energia elétrica na localidade de Olho d’Água do Bezerril.
Pouco tempo depois, no dia 27 de maio de 1978, apresentou requerimento solicitando ao gabinete do prefeito a pavimentação em pedra tosca, a construção de uma praça e a instalação de um televisor na localidade de Olho d’Água do Bezerril.
No dia 2 de agosto de 1980, em um novo requerimento dirigido à mesa diretora da Câmara Municipal de Vereadores, solicitou ao gabinete do prefeito a ampliação da Escola de Ensino Fundamental Manoel Saraiva de Sousa, também na localidade de Olho d’Água do Bezerril.
Meses depois, no dia 31 de janeiro de 1981, em mais um requerimento dirigido ao gabinete do prefeito, solicitou a construção de uma escola na localidade de Boa Vista.
Nessa legislatura, que foi prorrogada por mais dois anos, dando apoio aos projetos vindos do gabinete do Prefeito Benjamim Alves da Silva, aprovou orçamento da construção do Centro Administrativo Gov. Virgílio de Morais Fernandes Távora; a instalação do projeto sertanejo; a construção do Terminal Rodoviário Samuel Alves da Silva; a construção do Terminal Aéreo Cel. Virgílio de Morais Fernandes Távora; a construção do Açude da Massangana; a construção das muralhas do Estádio Municipal Dr. Francisco Segismundo Rodrigues dos Santos Neto e a instalação da EMATERCE, a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará.

2 ideias sobre “João Saraiva Leão

  1. Pingback: BIOGRAFIAS | História de Boa Viagem

  2. Pingback: Administração de 1977 – 1983 | História de Boa Viagem

Deixe uma resposta