Maria das Graças Evangelista Abreu

maria-das-gracas-evangelista-abreuMaria das Graças Evangelista Abreu nasceu no dia 9 de novembro de 1943 no Município de Boa Viagem, que está localizado no Sertão de Canindé, no Estado do Ceará, distante 217 quilômetros da cidade de Fortaleza, sendo filha de Florêncio Evangelista e de Raimunda Uchôa Evangelista
Os seus avós paternos se chamavam Manoel Militão Evangelista e Maria Rodrigues do Espírito Santo, já os maternos eram Francisco Mateus Viana e Filomena Uchôa Viana.
Segundo informações existentes no livro B-19, pertencente ao Cartório Geraldina, 1º Ofício, tombo nº 4.295, folha 188v, no dia 14 de abril de 1966 contraiu matrimônio com João Abreu de Lima Filho, que nasceu no dia 11 de janeiro de 1941, sendo filho de João Abreu Lima e de Maria Socorro Lima.
Desse matrimônio foram gerados quatro filhos, dois homens e duas mulheres, sendo eles: João Abreu Lima Neto, Ronilson Sérgio Evangelista Abreu, Anna Nathalia Abreu de Oliveira e Anna Nayara Abreu Alves.
Pouco tempo antes disso, nos primeiros meses de 1966, depois de prestar o exame de admissão ao curso ginasial, ingressou em uma das turmas da Escola de Ensino Médio Dom Terceiro, concluindo essa etapa de seus estudos, que era denominado de curso de humanidades, nos últimos meses de 1969.
No dia 10 de abril de 1973, na gestão do Prefeito Dr. Francisco Vieira Carneiro, o Major Carneiro, depois de prestar concurso público, teve o seu nome homologado para assumir a função de professora.
Entre os anos de 1979 e 1989, na gestão dos prefeitos Benjamim Alves da Silva e José Vieira Filho, foi nomeada vice-diretora da Escola de Ensino Fundamental David Vieira da Silva.
Nessa época, nos primeiros anos da década de 1980, juntamente com o seu esposo, percebendo o valioso nicho de mercado existente por conta da carência de uma papelaria na cidade e em parceria com a FAE, a Fundação de Assistência ao Estudante, iniciou um empreendimento comercial que algum tempo depois passou a ser denominado com o nome de fantasia de “Casa Abreu”, funcionando na Rua José Rangel de Araújo, nº 138, Centro.
Na eleição municipal que ocorreu no dia 15 de novembro de 1988, desejando entrar na vida pública por meio de uma das cadeiras da Câmara Municipal de Vereadores, estando filiada nos quadros políticos do PFL, o Partido da Frente Liberal, com a legenda nº 25.603, conseguiu receber a confiança de apenas 135 eleitores, ficando na suplência de seu partido.
Algum tempo depois, no dia 1º de janeiro de 1993, na gestão do Prefeito Dr. Francisco Segismundo Rodrigues dos Santos Neto, assumiu à pasta da Secretaria da Educação e Cultura da Prefeitura de Boa Viagem, voltando ao exercício de seu mandato quando esse prefeito foi afastado de sua função pela Câmara Municipal de Vereadores.
Na eleição municipal que ocorreu no dia 3 de outubro de 1996, militando nos quadros políticos do PDT, o Partido Democrático Trabalhista, com a legenda nº 12.610, conseguiu ser eleita ao receber 768 votos, ficando entre os nove vereadores de maior votação dessa eleição.
Nessa legislatura, na gestão do Prefeito Dr. Francisco Vieira Carneiro, o Major Carneiro, assumiu a Chefia de Gabinete da Prefeitura de Boa Viagem, deixando a sua cadeira para o seu suplente, o Vereador Marcos José Cavalcante Sampaio, permanecendo nessa função na gestão do Prefeito Dr. Fernando Antônio Vieira Assef, que assumiu a função de prefeito por conta do impedimento do Dr. Francisco Vieira Carneiro.

Imagem da Vereadora Maria das Graças Evangelista Abreu, em 1997.

Imagem da Vereadora Maria das Graças Evangelista Abreu, em 1997.

No pleito eleitoral seguinte, que ocorreu no dia 1º de outubro de 2000, o primeiro a ser completamente informatizado no Município de Boa Viagem, buscando a sua reeleição, dessa vez militando nos quadros políticos do PTB, o Partido Trabalhista Brasileiro, com a legenda nº 14.699, recebeu apenas 556 sufrágios, ficando novamente na suplência de seu partido.

Imagem de seu material de campanha.

Imagem de seu material de campanha.

No dia 3 de outubro de 2004, ainda militando nos quadros políticos do PTB, dessa vez com a legenda nº 14.789, conseguiu retomar a sua cadeira na Câmara Municipal de Vereadores depois de receber 1.575 sufrágios, ficando entre os cinco vereadores de maior votação dessa disputa.

Imagem de seu material de campanha.

Imagem de seu material de campanha.

Na eleição municipal seguinte, que ocorreu no dia 5 de outubro de 2008, decidida a conseguir o seu terceiro mandato e a sua primeira reeleição, ainda no PTB, com a mesma legenda do pleito anterior, conseguiu receber apenas 652 votos, ficando pela terceira vez na suplência de seu partido.

Imagem de seu material de campanha.

Imagem de seu material de campanha.

No dia 13 de julho de 2018, juntamente com os seus familiares, partilhou da perda de seu esposo, que durante anos travou uma luta contra o câncer.

“O boa-viagense João Abreu Lima, conhecido como ‘Dadinho’, encontra-se em Fortaleza na UTI de um hospital em estado grave. Ele apresentou problemas de saúde e agora luta para sobreviver, dependendo de doadores de sangue.” (Em estado grave, boa-viagense precisa de sangue. Disponível em http://noticias.cennoticias.com/10835921?origin=relative&pageId=d2806250-745f-4d76-ad53-eb56cb9f0ad5&PageIndex=3. Acesso no dia 11 de agosto de 2018)