Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará

AS INFORMAÇÕES BÁSICAS:

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará, o IFCE, possui um dos seus campus no Município de Boa Viagem, estando localizado no quilômetro 209 da Rodovia Federal Presidente Juscelino Kubitschek de Oliveira, a BR-020, na localidade de Anafuê, distante 4 quilômetros do Centro da cidade de Boa Viagem, no Estado do Ceará.

Imagem do IFCE de Boa Viagem, em 2018.

Essa unidade de ensino está vinculada ao Ministério da Educação, sendo uma autarquia de natureza jurídica, detentora de autonomia administrativa, patrimonial, financeira, didático-pedagógica e disciplinar.

A BASE LEGAL DE SUA CRIAÇÃO:

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará foi criado oficialmente no dia 29 de dezembro de 2008 através da lei nº 11.892, na época sancionada pelo então presidente da república Luiz Inácio Lula da Silva.
No Estado do Ceará essa instituição congrega os extintos CEFETS, os Centros Federais de Educação Tecnológica do Ceará e às Escolas Agrotécnicas Federais dos Municípios do Crato e de Iguatu.
As raízes dessa instituição remontam ao começo do século XX, quando o então presidente da república, o Dr. Nilo Procópio Peçanha, pelo Decreto nº 7.566, de 23 de setembro de 1909, instituiu a Escola de Aprendizes Artífices.
Ao longo de um século de existência essa instituição teve a sua denominação alterada, primeiramente para Liceu Industrial do Ceará, em 1941; depois para Escola Técnica Federal do Ceará, em 1968.
No ano de 1994 essa instituição passou a chamar-se de Centro Federal de Educação Profissional e Tecnológica do Ceará, ocasião em que o ensino foi estendido ao nível superior e as suas ações acadêmicas acrescidas das atividades de pesquisa e extensão.

AS MODALIDADES DE ENSINO:

Em nosso país a educação básica compreende a educação infantil, o ensino fundamental e o ensino médio, tendo uma duração ideal de dezoito anos, período da vida escolar que se toma posse dos conhecimentos mínimos necessários para uma cidadania completa, serve também para se definir sobre o futuro profissional e área do conhecimento que se quer seguir.
O ensino superior é o nível mais elevado dos sistemas educativos, referindo-se normalmente a uma educação realizada em universidades, faculdades, institutos politécnicos, escolas superiores ou outras instituições que conferem graus acadêmicos ou diplomas profissionais.
Em nosso país a educação superior é dividida em graduação e pós-graduação, cursos que são ofertados pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará em Boa Viagem:

  1. Ensino Médio:
    Técnico em Agropecuária (Subsequente);
    Técnico em Rede de Computadores (Integrado).
  2. Ensino Superior:
    Licenciatura em Química.

O SÍMBOLO DA INSTITUIÇÃO:

A palavra símbolo designa um tipo de signo em que o significante representa algo abstrato, por força de convenção ou semelhança. Um símbolo é um elemento essencial no processo de comunicação, encontrando-se difundido pelo quotidiano e pelas mais variadas vertentes do saber humano.
A representação específica para cada símbolo pode surgir como resultado de um processo natural ou pode ser convencionado de modo a que o receptor, uma pessoa ou grupo específico de pessoas, consiga fazer a interpretação do seu significado implícito e atribuir-lhe determinada conotação.
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará, o IFCE, se identifica pela seguinte logomarca:

IFCE

Imagem da logomarca do IFCE.

A HISTÓRIA DA INSTITUIÇÃO:

Mais de cem anos de história marcam a evolução da educação profissional e tecnológica no Brasil, em 2005, com a publicação da lei nº 11.195, foi lançada a primeira fase do Plano de Expansão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, com a construção de 64 novas unidades de ensino.
Nos últimos meses de 2007, a segunda fase do mencionado plano, que incluiu a criação de 150 novas unidades, totalizou 354 campi, elevando o contingente de alunos matriculados de 215 para 500 mil.
Com a implantação das novas unidades da terceira fase da expansão, em 2014, a mencionada rede totalizou 562 estruturas de ensino em 512 Municípios do Brasil.
Os institutos federais equiparam-se às universidades federais em termos de funcionamento, de fomento à pesquisa e da prática de ações de extensão, contando, para tanto, com o apoio dos programas ministeriais.
Além dessas prerrogativas, os institutos federais foram também dotados de autonomia para gerenciar orçamento de custeio, alterar a grade de oferta de cursos, registrar diplomas e certificar competências profissionais.
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará está presente em todas as regiões do Estado, por meio da oferta de cursos regulares de formação técnica e tecnológica, nas modalidades presenciais e a distância.
Nessa instituição são oferecidos cursos superiores tecnológicos, licenciaturas, bacharelados, além de cursos de pós-graduação, mas precisamente, especialização e mestrado.
No segundo semestre de 2011, no governo da Presidente Dilma Vana Rousseff, o Governo Federal anunciou a intenção de implantar uma dessas escolas no Município de Boa Viagem.
Algum tempo depois desse anúncio, por meio da lei nº 1.136, de 29 de dezembro de 2011, na gestão do Prefeito Dr. Fernando Antônio Vieira Assef, o Governo Municipal disponibilizou uma propriedade com 4.200 m² para a sua construção.
No dia 14 de fevereiro de 2014, em uma manhã de sexta-feira, foi realizada a solenidade de lançamento da Pedra Fundamental do Campus do Município de Boa Viagem.
Nessa ocasião o Governo Municipal mobilizou significativa representação de todas as escolas da sede em uma solenidade que contou com diversas autoridades do Governo do Estado.

Imagem da solenidade de inauguração.

No primeiro semestre de 2017, depois de vários ajustes, esse campus deu início ao seu funcionamento, tornando-se referência no seu campo de ensino na região:

“No último dia 26 de março, foi aprovada a dissertação de mestrado de Sérgio Luiz Silva Soares, orientada pelos professores João Paulo Arcelino do Rego, atual diretor-geral do campus de Boa Viagem, e Patrícia Pimentel, do departamento de Zootecnia da UFC. A dissertação trata da ‘Avaliação nutricional, desenvolvimento e características moformétricas de cordeiros de diferentes grupos genéticos terminados em Sistema de Integração Lavoura-Pecuária com suplementação em Região Semiárida’. A pesquisa foi desenvolvida dentro do projeto “Integração Lavoura-Pecuária no Semiárido Nordestino”, de autoria de João Paulo, em colaboração com o município de Tauá e financiada pelo CNPq… Em 2015, um experimento agropecuário realizado na Região dos Inhamuns comprovou que é possível manter uma criação de ovinos no semiárido por meio do fornecimento de forragem e de grãos, mesmo em áreas reduzidas e de lavoura de sequeiro… Os pesquisadores foram surpreendidos com a velocidade de ganho de peso dos cordeiros… O Sistema de Integração Lavoura-Pecuária trouxe um novo enfoque produtivo para o semiárido: produzir forragem com o mínimo de chuvas; alimentar os cordeiros em curto espaço de tempo; oferecer uma tecnologia simples aplicada ao setor produtivo.” (Disponível em https://ifce.edu.br/noticias/campus-de-boa-viagem-e-referencia-para-semiarido. Acesso no dia 1º de novembro de 2018)

AS EQUIPES DE GESTÃO:

A equipe de administração do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará é cargo de confiança do presidente da república, que indica os seus componentes:

  • 2016 – 2020

Prof. João Paulo Arcelino do Rego (Diretor Geral);
Profª. Jordana Torres Costa (Diretora de Administração e Planejamento);
Prof. Ricardo Rodrigues de Andrade (Diretor de Ensino).

A ESTRUTURA FÍSICA:

Para executar bem as suas atividades educacionais, gerando segurança e conforto para os seus usuários, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará no Município de Boa Viagem possui a seguinte estrutura:

  • Bloco Administrativo
  1. Reitoria: 1
  2. Secretaria: 1
  • Bloco Acadêmico:
  1. Salas de aula: 10
  2. Laboratórios: 10
  3. Biblioteca: 1
  4. Auditório: 1

Imagem da biblioteca, em 2016.

O CONTATO:

Os canais de comunicação com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará no Município de Boa Viagem são os seguintes:

  • Telefones:
  1. 88.99735-7051;
  2. 85.3401-2235 (Recepção Geral);
  3. 85.3401-2333 (Ouvidoria).
  • Site:
  1. www.ifce.edu.br

4 ideias sobre “Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará

  1. Pingback: EDUCAÇÃO | História de Boa Viagem

  2. Pingback: Fernando Antônio Vieira Assef | História de Boa Viagem

  3. Pingback: Açude do Anafuê | História de Boa Viagem

  4. Pingback: Anafuê | História de Boa Viagem

Deixe uma resposta