Manoel Fernandes de Almeida

manoel-fernandes-de-almeidaManoel Fernandes de Almeida nasceu no dia 21 de outubro de 1914 no Município de Quixeramobim, que está localizado no Sertão Central do Estado do Ceará, sendo filho de Antônio Fernandes de Oliveira e de Senhorinha Fernandes de Almeida.
Foi trazido para cidade de Boa Viagem nos últimos anos da década de 1930 a convite do Mons. José Gaspar de Oliveira, que na época estava organizando o patrimônio da Paróquia de Nossa Senhora da Boa Viagem.
Mais tarde, no dia 18 de abril de 1943, segundo informações existentes no livro B-08, pertencente ao Cartório Geraldina, 1º Ofício, tombo nº 580, folha 51, confirmou os seus votos matrimoniais em uma cerimônia de casamento civil com Maria Stela de Queiroz Almeida, nascida no dia 18 de agosto de 1923, sendo filha de José Duarte de Araújo e de Maria Matutina de Queiroz Araújo.
Dessa união foram gerados apenas dois filhos, todos homens, sendo eles: Francisco Wagner de Queiroz Almeida e José Jackson de Queiroz Almeida.
Durante muitos anos residiu com a sua família na Rua José Rangel de Araújo, s/nº, esquina com a Rua Antônio de Queiros Marinho, no Centro da cidade de Boa Viagem.

Imagem da residência de Manoel Fernandes de Almeida.

Alguns anos depois, assumiu a função de tabelião do Cartório de 1º Ofício, substituindo nessa ocasião Edite Carvalho Câmara.

“Nomeado escrevente compromissado do 2º Ofício de Quixeramobim, em 13/12/1946, que exerceu até 08/03/1948, quando passou para o 2º Ofício de Boa Viagem, onde serviu até 08/10/1957, passando para o 1º Ofício até 20/08/1969, quando foi nomeado substituto.” (MACÊDO, 1991: p. 145)

Depois de algum tempo passou também a cuidar do IAPC, o Instituto de Assistência e Previdência aos Comerciários.

“O Instituto Nacional de Seguridade Social, cujo posto foi inaugurado no dia 19 de dezembro de 1997, tendo como gerente atual o Sr. Murilo Vieira da Silva. Antes tivemos aqui o IAPC, o Instituto de Assistência e Previdência aos Comerciários, representados pelos senhores: Antenor Gomes de Barros Leal, Manoel Fernandes de Almeida e Cristóvam de Queiroz Sampaio, como também o INPS, Instituto Nacional de Previdência Social, tendo à frente a Srª Maria Zélia Cavalcante Ramalho.” (NASCIMENTO, 2002: p. 245)

Segundo informações existentes no livro C-04, pertencente ao Cartório Geraldina, tombo nº 2.113, folha 161v, faleceu no Município de Boa Viagem, aos 76 anos de idade, no dia 19 de fevereiro de 1990.
Logo após o seu falecimento, depois das despedidas fúnebres que são de costume, o seu corpo foi levado para sua terra natal, sendo sepultado por seus familiares no Cemitério Municipal de Quixeramobim, que está localizado na Rua Vereador Elisiário Pinheiro, nº 304, na cidade de Quixeramobim.

HOMENAGEM PÓSTUMA:

  1. Em sua memória, na gestão do Prefeito Benjamim Alves da Silva, através da lei nº 559, de 5 de junho de 1992, uma das ruas do Bairro Várzea do Canto, na cidade de Boa Viagem, recebeu a sua nomenclatura.