Juiz Ladrão.

JUIZ LADRÃO.

Francisco Erialdo Rodrigues Costa
Rogerlando (Ilustrador)

O seu Raimundo Amaro, que durante muitos anos exerceu a função de vigilante da agência do Banco do Brasil na cidade de Boa Viagem era daqueles torcedores classificados como “chorão” do Ceará Sporting Club, existindo o relato de que quebrou muitos rádios quando o seu time de coração perdia.
Certo dia, para sua tristeza, a sua esposa faleceu, e por coincidência na mesma semana o Ceará perdeu uma importante partida.
Um amigo, que era torcedor do Fortaleza, o encontrou na rua e sabendo da triste notícia foi lhe dar os pêsames pelo falecimento de sua esposa dizendo: – Lamento seu Raimundo, aceite os meus pêsames!
O seu Raimundo, zangado, respondeu: – Também, com um juiz ladrão daqueles!

Uma ideia sobre “Juiz Ladrão.

  1. Pingback: CRÔNICAS E POESIAS | História de Boa Viagem

Deixe uma resposta