Entre a Direção e o Banco.

ENTRE A DIREÇÃO E O BANCO.

Francisco Erialdo Rodrigues Costa
Rogerlando (Ilustrador)

Um espírita e vidente chegou ao Município de Boa Viagem e logo começou a apresentar um programa na Rádio Asa Branca, depois de certo tempo comprou um carro.
Como não sabia dirigir, em cada esquina que chegava estancava o carro, comentando o fato com um amigo disse: – Rapaz, vou ter que levar o carro na oficina, não sei que problema é esse, ele só vive estancando.
O amigo simplesmente comentou: – Eu sei qual é o problema! Ele está entre a direção e o banco.
E o médium, sem dar conta, logo disse: – Será? É, pode até ser!
Muito tempo depois é que ele percebeu que o amigo tinha tirado uma “casquinha” de sua ingenuidade.

Uma ideia sobre “Entre a Direção e o Banco.

  1. Pingback: CRÔNICAS E POESIAS | História de Boa Viagem

Deixe uma resposta