Manoel Bernardino de Santana Filho (Bibliografia)

AS INFORMAÇÕES BÁSICAS SOBRE O AUTOR:

Nome: Manoel Bernardino de Santana Filho.
Formação: Bacharelado em Teologia / Licenciatura em Filosofia / Mestrado em Teologia / Doutorado em Teologia / Pós-Doutorado em Ciência da Religião.
Biografia

A BIBLIOGRAFIA:

1º) TITULO: MANOEL DA SILVEIRA PORTO FILHO. POETA, PASTOR E MESTRE.

RESENHA: Nessa obra, que é de grande importância para o congregacionalismo brasileiro, o Rev. Manoel Bernardino de Santa Filho deixa transparecer o sentimento de perda de alguém que conviveu por mais de uma década com o Rev. Manoel da Silveira Porto Filho, uma das principais lideranças dessa denominação entre os primeiros anos de 1940 aos últimos anos de 1980, quando faleceu.
O texto, que é biográfico, discorre inicialmente de sua infância e das principais influências de seu tempo, tratando também de seus estudos, envolvimento social e de como conheceu a confissão protestante.
O autor, com desvelo, faz alusão ao seu ministério e magistério construindo todo o contexto de problemas enfrentados em sua vida, não poupando até os pessoais, que depois de solucionados foram respondidos através de belos e inspirado hinos, onde muitos deles estão selados nos Salmos e Hinos, hinário que ainda é utilizado por sua estimada denominação.

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: 2006.
Edição: 1ª.
Editora: UNIGEVAN.
ISBN: 978-85-60440-00-9.
Páginas: 300.
Tiragem: 1.000 exemplares (Disponível com o autor).

2º) TITULO: SIMPÓSIO.

RESENHA: A revista Simpósio é o veículo de comunicação da ASTE, a Associação de Seminários Teológicos Evangélicos, e nesse volume faz referência aos 50 anos de sua fundação, ocorrido no dia 19 de setembro de 1961.
A Associação de Seminários Teológicos Evangélicos, que durante muitos anos teve entre as suas principais bandeiras a luta em favor do reconhecimento dos cursos de teologia, foi formalmente organizada na cidade de São Paulo, contando nessa ocasião com a participação de doze instituições de ensino e hoje, já madura, conta com mais de quarenta.
Neste volume o Rev. Manoel Bernardino, de forma concisa, por ser testemunha ocular de alguns dos fatos, aborda o seu olhar sobre o passado da instituição, que em nossos dias continua investindo esforços para publicação de obras raras e de importância para o seu campo de estudos, constituindo-se também como um espaço de diálogo entre tradições diferentes.

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: 2012.
Edição: 1ª.
Editora: ASTE.
ISBN: 0102-3578.
Páginas: 88.
Tiragem: 1.000 exemplares (Disponível com o autor).

3º) TITULO: KARL BARTH E SUA INFLUÊNCIA NA TEOLOGIA LATINO-AMERICANA. PALAVRAS, EVENTOS E PRÁXIS DE LIBERTAÇÃO.

RESENHA: A publicação deste livro na série da ASTE, a Associação de Seminários Teológicos do Brasil, traz uma contribuição importante ao ensino e à pesquisa teológica no Brasil, pois permite que o público brasileiro conheça o pensamento e a trajetória de um teólogo protestante eminente como foi Karl Barth, muito citado no Brasil, mas efetivamente pouco conhecido em sua teologia e como inspirador de teólogas e teólogos latino-americanos.
O teólogo suíço Karl Barth foi um dos mais influentes pensadores protestantes do século XX. Sendo filho de pais religiosos, foi educado em meio a pastores conservadores, tendo por lastro as ideias calvinistas.
As suas influências acadêmicas foram Kant, Hegel, Kierkegaard e teólogos como Calvino, Baur, Harnack e Hermann. Até 1911, ainda jovem, esteve vinculado ao protestantismo liberal antidogmático e modernista de Adolf von Harnack (1851-1930), invertendo a seguir sua posição.
Escrever sobre o legado teológico deixado por Barth é a materialização de um desejo acariciado por longos anos pelo Rev Bernardino, que se tornou possível graças ao intento de prosseguir em sua brilhante carreira acadêmica e docente.

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: 2013.
Edição: 1ª.
Editora: ASTE.
ISBN: 978-85-87565-28-0.
Páginas: 426.
Tiragem: 3.000 exemplares (Disponível com o autor).

4º) TITULO: 100 ANOS DE ENSINO TEOLÓGICO. HISTÓRIA E MISSÃO DO SEMINÁRIO TEOLÓGICO CONGREGACIONAL DO RIO DE JANEIRO (1914-2014).

RESENHA: Em 2014 o Seminário Teológico Congregacional do Rio de Janeiro completou 100 anos de sua existência e foi presenteado com uma valiosíssima obra que registra os principais acontecimentos de seu passado.
Como o próprio texto diz, o livro “não pretende contar toda a história do STCRJ”, tendo em vista que esse passado foi analisado pela perspectiva crítica-interpretativa de seu autor, que sem intenção e por falta de fontes pode ter cometido alguma injustiça.

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: 2014.
Edição: 1ª.
Editora: Contextualizar.
ISBN: 978-149480676-7.
Páginas: 332.
Tiragem: 1.000 exemplares (Disponível com o autor).

5º) TITULO: MULHERES DA BÍBLIA. SOFRIMENTO, SUPERAÇÃO E ESPERANÇA.

RESENHA: Esse trabalho literário é um pequeno fruto de anos de experiência pastoral, onde o autor, em seu gabinete, procurou trazer valiosas palavras de consolo para os mais diversos acontecimentos.
O livro trata das situações e da forma de enfrentamento que foram vividas por algumas personagens bíblicas, que vivendo em um mundo masculino souberam superar os mais variados problemas com muita fé, amor e dedicação.

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: 2014.
Edição: 1ª.
Editora: Contextualizar.
ISBN: 978-1502942449.
Páginas: 170.
Tiragem: 3.000 exemplares (Disponível com o autor).

6º) TITULO: IGREJAS EVANGÉLICAS CONGREGACIONAIS DO BRASIL.

Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil

RESENHA: Nesse texto, o Rev Manoel Bernardino de Santana Filho recebeu a companhia do Rev Jorge Marques Ferreira, que juntos trouxeram a lume uma obra que demorou muitos anos para ser composta, pois dependeram basicamente do contato através de correspondência com os vários pastores e lideranças responsáveis pelas Igrejas Congregacionais que estão espalhadas pelo solo brasileiro e que nem sempre os respondia.
Esse desafio partiu inicialmente de seu mapeamento, descoberta de endereço e posterior envio de formulários, tendo em vista que esse trabalho não contemplava apenas às igrejas filiadas a UIECB, a União das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil, berço denominacional de seus autores.
Nessa edição existem artigos tratando da história da Igreja Evangélica Congregacional de Cachoeira, da Igreja Evangélica Congregacional de Boa Viagem e da Igreja Evangélica Boa-viagense.
Por fim, depois de muita ousadia e paciência, e por que não um pouco de decepção diante do fato não terem as suas cartas correspondidas, ao longo de seis anos, a dupla conseguiu agregar o histórico de 400 igrejas e atualmente já renova o fôlego para uma nova edição.

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: 2016.
Edição: 1ª.
Editora: EDIGRÁFICA.
ISBN: 85-920570-0-8.
Páginas: 528.
Tiragem: 3.000 exemplares (Disponível com o autor).

7º) TITULO: O CRISTÃO.

RESENHA: Fundado por José Luís Fernandes Braga Júnior e Nicolau Ricardo S. C. Esher, esse periódico é o veículo informativo oficial da UIECB, a União das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil, sendo publicado bimestralmente através de sua assessoria de comunicação.
Nesse jornal, esporadicamente, o Rev Manoel Bernardino colabora com a sua redação na publicação de artigos, entre eles alguns que tratam da história do congregacionalismo no Nordeste, muitas vezes falando das igrejas congregacionais existentes no Município de Boa Viagem, no Estado do Ceará.

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: Desde 1891.
Edição: 1ª.
Editora: UNIGEVAM.
ISBN: Sem Registro.
Páginas:
Tiragem: 12.000 exemplares.

8º) TITULO: O CAMINHAR DA IGREJA: O CONCEITO DE MISSÃO NO PENSAMENTO DE JOHN A. MACKAY.

RESENHA: O Dr. John A. Mackay foi um teólogo protestante escocês, de confissão presbiteriana, que exerceu um brilhante ministério missionário que envolveu o magistério nos Estados Unidos e se expandiu por diversos países da América Latina, tendo como bandeira de suas atividades o Movimento Ecumênico e o Cristianismo Mundial.

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: 2017.
Edição: 1ª.
Editora:
ISBN:
Páginas:
Tiragem: 2.000 exemplares.

9º) TITULO: MULHERES DA BÍBLIA. SOFRIMENTO, SUPERAÇÃO E ESPERANÇA.

RESENHA:

FICHA CATALOGRÁFICA:

Ano de publicação: 2018.
Edição: 2ª.
Editora:
ISBN:
Páginas:
Tiragem: 2.000 exemplares.

Uma ideia sobre “Manoel Bernardino de Santana Filho (Bibliografia)

  1. Pingback: LITERATURA BOA-VIAGENSE | História de Boa Viagem

Deixe uma resposta