Luís Alves Pequeno

Luís Alves Pequeno nasceu em Nozedo, uma pequena aldeia pertencente à Freguesia de Vale das Fontes, no conselho de Vinhais, no Distrito de Bragança, em Portugal, sendo o nome dos seus pais ainda desconhecidos.

“Nos assentos paroquiais da Igreja de Nossa Senhora dos Milagres é mencionado cinco vezes a freguesia de São Salvador de Nozedo como sendo o lugar de onde o Coronel Luís Alves Pequeno era natural. As outras menções foram à cidade de Chaves e ao arcebispado de Braga, exatamente as demarcações civis e eclesiásticas a que Nozedo estava inserida, não havendo, portanto, contradições ou equívocos quanto à sua origem por parte dos clérigos do Cariri. Infelizmente não se tem notícias do nome dos pais do Coronel Luís Alves Pequeno, impossibilitando assim, uma busca precisa de seu assento de batismo na dita freguesia de Nozedo. Mesmo efetuada a leitura integral dos assentos paroquiais, no intervalo de 1670 a 1740, não foi possível apontar algo concreto sem correr o risco de cair em uma conjectura duvidosa.” (FIGUEIREDO. 2020: p. 4)

Em uma data ainda desconhecida migrou para o Brasil, colônia portuguesa na América do Sul, se estabelecendo no sertão da Paraíba, construindo fortuna, prestígio e destacada posição social.
Contraiu matrimônio com Maria Correia de Sampaio, nascida em uma localidade denominada de Taquara, em Pitimbu, na Paraíba.

“Foi casado com Maria Correia de Sampaio, natural da Vila de Taquara, freguesia de Nossa Senhora da Penha de França, antiga capitania de Itamaracá, hoje pertencente ao distrito de Pitimbu, no estado da Paraíba. Tiveram seus nomes associados a diversas fazendas na região do cariri, como Amparo, Cabeça do Cavalo, Santa Catarina, dentre outras. Os homens eram de patente, e o patriarca ostentava o posto de coronel, seguido por seus dois filhos, o sargento-mor José Francisco Alves Pequeno, e o capitão Francisco Alves Pequeno. Tiveram muitas filhas, que vieram a se casar com pessoas influentes da Paraíba, de Pernambuco e de Portugal.” (FIGUEIREDO. 2020: p. 4)

Desse matrimônio foram gerados vários filhos, dentre eles destacamos: Clara Alves Pequeno, Francisco Alves Pequeno, Maria José dos Milagres, Águeda Correia de Sampaio, Ana Alves Pequeno, Luiza Maria de Jesus, Mariana Alves Pequeno e José Francisco Alves Pequeno.
Faleceu de causa desconhecida, possivelmente em São João do Cariri, no sertão da Paraíba, antes de 1762.

BIBLIOGRAFIA:

  1. FIGUEIREDO, Luis Eduardo Teixeira de. Teixeira Mendes e Alves Pequeno: duas famílias no cariri paraibano. Recife, 2020. Disponível em <https://genealogiaemfoco.blogspot.com/2020/02/teixeiramendesealvespequeno
    duasfamiliasnocariri.html>.  Acesso no dia 6 de março de 2020.
  2. PEQUENO FILHO, José de Sousa. EXPERIÊNCIAS VIVIDAS: ESCRAVIDÃO E FORMAÇÃO HISTÓRICA DE SÃO JOÃO DO CARIRI (1783 – 1843). Dissertação de Mestrado apresentada ao Departamento de História da Universidade Federal de Campina Grande. Disponível em file:///C:/Users/ELIEL/Downloads/Jose-De-Sousa-Pequeno-Filho.pdf. Acesso no dia 4 de março de 2020.