Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares

AS INFORMAÇÕES BÁSICAS:

O Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares, conhecido por muitos apenas pela sigla NAEC, está localizado na Rua Pe. Pedro Vitorino Dantas, nº 211, esquina com a Rua José de Queiroz Sampaio, no Centro da cidade de Boa Viagem, no Município de Boa Viagem, no Estado do Ceará.

Imagem do Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares, em 2010.

Esse equipamento público, pertencente ao Governo Municipal, tem servido como teatro e o centro de convenções do Município de Boa Viagem, sendo gerenciado pela Secretaria da Cultura, Turismo e Lazer.

A BASE LEGAL DE SUA NOMENCLATURA:

Ao ser construído esse edifício foi denominado de Núcleo de Arte, Educação e Cultura Dr. Fernando Antônio Vieira Assef, tendo a sua nomenclatura regulamentada na gestão do Prefeito Dr. Fernando Antônio Vieira Assef através da lei nº 891, de 23 de dezembro de 2004.
Alguns anos depois, novamente na gestão do Prefeito Dr. Fernando Antônio Vieira Assef, orientado pelo Ministério Público do Estado através do promotor da comarca, Dr. Marcus Vinícius Amorim de Oliveira, por força da lei nº 6.454, de 24 de outubro de 1977, que trata sobre a proibição da utilização do nome de pessoas vivas em edifícios públicos, bem como no que está escrito no artigo nº 14 da Lei Orgânica do Município, o Núcleo de Arte, Educação e Cultura Dr. Fernando Antônio Vieira Assef teve a sua denominação revogada e alterada através da lei nº 1.085, de 4 de março de 2011, para Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares.

A HISTÓRIA DE SUA CONSTRUÇÃO E FINALIDADE:

Antes de sua construção, nesse local, havia um lavador automotivo pertencente ao Sr. Israel Fragoso da Silva, que foi negociado com a Prefeitura de Boa Viagem com a finalidade de ser construído um centro de cultura, algo que ocorreu nos primeiros meses de 2004.

Imagem do Núcleo de Artes na época de sua construção, em 2004.

A sua estrutura contou com o financiamento do BID – o Banco Interamericano de Desenvolvimento em uma parceria firmada com o PROARES – o Programa de Apoio às Reformas Sociais do Ceará e a Prefeitura de Boa Viagem.
Na época de sua construção esse equipamento era gerenciando pela Secretaria da Educação, sendo transferido no ano seguinte, no governo do Prefeito José Vieira Filho – o Mazinho, para Secretaria da Cultura, Turismo e Lazer.
Em acordo com o Plano Municipal da Cultura descobrimos a missão desse importante equipamento social:

“O Núcleo de Artes foi inaugurado no dia 28 de dezembro de 2004… a sua missão é garantir por monitoria às crianças e adolescentes o acesso à cultura. São ofertados cursos de teatro, violão, flauta, acordeom, dança e outros..” (PLANO MUNICIPAL DA CULTURA, 2005: p. 23)

Mais tarde, na estação invernosa que ocorreu em 2009, por conta de uma enchente no leito do Rio Boa Viagem, a estrutura do Núcleo de Arte e Cultura foi tomado por água, algo que causou alguns prejuízos.
Depois disso, nos primeiros meses de 2011, por conta de uma orientação do Ministério Público, esse equipamento recebeu como patrono o nome de José Assef Fares.
Nesse local já ocorreu uma diversidade de eventos, tendo o seu auditório, que também é um teatro, servido para atender as necessidades das demais secretarias do Governo Municipal, da iniciativa privada e até das outras esferas do Poder Público.
Antes de sua existência a maioria dessas atividades ocorriam no Auditório Governador José Adauto Bezerra, existente no Centro de Referência da Assistência Social Deputado José Vieira Filho.

“Ao longo de sua história esse auditório já foi utilizado como local onde ocorriam os julgamentos do Fórum Desembargador Júlio Carlos de Miranda Bezerra, peças de teatro, atividades religiosas, lançamentos de livros, para o ensaio da Banda Municipal João Xavier Guerreiro, palestras e para exibição de filmes aos finais de semana, dentre eles de classificação adulta. Mais tarde, nos primeiros anos do século XXI, por conta do grave problema de poluição sonora existente no Centro da cidade e diante do fato desse local não ser refrigerado, as atividades desse auditório foram divididas com o Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares, que possui melhor estrutura e equipamentos.” (SILVA JÚNIOR, 2017: Disponível em http://www.historiadeboaviagem.com.br/centro-de-referencia-da-assistencia-social-deputado-jose-vieira-filho/. Acesso no dia 26 de dezembro de 2020)

O teatro, que também serve como auditório do Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares possui climatização, comportando confortavelmente pouco mais de 110 pessoas sentadas.

Imagem interna do Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares, em 2010.

A SUA ESTRUTURA:

Para executar bem as suas atividades o Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares possui a seguinte estrutura:

  • Banheiros: 4
  • Bilheteria: 1
  • Camarim: 1
  • Depósito: 1
  • Saguão: 1
  • Salas de aula: 2
  • Salas de dança: 1
  • Teatro: 1

O CONTATO:

O canal de comunicação com o Núcleo de Arte e Cultura José Assef Fares é o seguinte:

  1. 88.3427-

BIBLIOGRAFIA:

  1. FRANCO, G. A. & CAVALCANTE VIEIRA, M. D. Boa Viagem, Conhecer, Amar e Defender. Fortaleza: LCR, 2007.
  2. NASCIMENTO, Cícero Pinto do. Memórias de Minha Terra. Fortaleza: Encaixe, 2002.
  3. SILVA JÚNIOR, Eliel Rafael da. Centro de Referência da Assistência Social Deputado José Vieira Filho. Disponível em http://www.historiadeboaviagem.com.br/centro-de-referencia-da-assistencia-social-deputado-jose-vieira-filho/. Acesso no dia 26 de dezembro de 2020.