João Amaro da Costa Filho

João Amaro da Costa Filho nasceu em 1878 no Município de Boa Viagem, que está localizado no Sertão de Canindé, no Estado do Ceará, distante 217 quilômetros da cidade de Fortaleza, sendo filho de João Amaro da Costa e de Isabel Rodrigues dos Reis.
Os seus avós paternos se chamavam Amaro José Benevides e Clarinda Maria da Conceição, já os maternos eram João Francisco Oliveira e Delfina Reis Oliveira.
No dia 24 de novembro de 1900, segundo informações existentes no livro B-02, pertencente à secretaria da Paróquia de Nossa Senhora da Boa Viagem, diante do Mons. José Cândido de Queiroz Lima, contraiu matrimônio religioso com Isabel Maria da Conceição, nascida em 1882, sendo filha de Francisco Freire da Costa e de Ana Francisca de Oliveira.
Pouco tempo depois, no dia 6 de julho de 1902, segundo informações existentes no Livro B-01, pertencente ao Cartório Geraldina, 1º Ofício, tombo nº 06, página 84, confirmou os seus votos em uma cerimônia de matrimônio civil.
Desse matrimônio foram gerados vários filhos, dentre eles destacamos: Carmelina Amaro de Almeida, Antônio Amaro Sobrinho, Sabina Amaro Bezerra, Maximiano Amaro Mesquita e Maria do Carmo Amaro.
No dia 13 de junho de 1961, segundo informações existentes no Livro C-09, pertencente ao Cartório Geraldina, tombo nº 3.233, página 69v,  faleceu em Boa Viagem aos 83 anos de idade.
Logo após o seu falecimento, depois das despedidas fúnebres que são de costume, teve o seu corpo sepultado em um mausoléu da família que existe no Cemitério Parque da Saudade, que está localizado da Rua Joaquim Rabêlo e Silva, nº 295, no Centro da cidade de Boa Viagem.

BIBLIOGRAFIA:

  1. NASCIMENTO, Cícero Pinto do. Memórias de Minha Terra. Fortaleza: Encaixe, 2002.
  2. PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DA BOA VIAGEM. Livro de registro dos casamentos. 1886-1903. Livro B-02. Tombo nº 27. Página 112v.

HOMENAGEM PÓSTUMA:

  1. Em sua memória, na gestão do Prefeito José Vieira Filho – o Mazinho, através da lei nº 459, de 21 de março de 1988, uma das ruas do Bairro Vila Holanda recebeu a sua nomenclatura.