Francisca de Sousa Terceiro

Francisca de Sousa Terceiro nasceu no dia 23 de maio de 1912 no Município de Boa Viagem, que está localizado no Sertão de Canindé, no Estado do Ceará, distante 217 quilômetros da cidade de Fortaleza, sendo filha de Alfredo de Sousa Terceiro e de Maria Clotildes de Sousa Camelo.
Os seus avós paternos se chamavam João de Sousa Terceiro e Joana Alves Ferreira, já os maternos eram Vicente Camelo de Sousa e Francisca Jorge de Sousa.
Alguns dias depois, em 20 de julho, seguindo os costumes da confissão religiosa de seus pais, recebeu o batismo pelas mãos do Mons. José Cândido de Queiroz Lima.
Mais tarde, no dia 16 de janeiro de 1924, pouco tempo antes de completar 12 anos de idade, foi surpreendida pelo inesperado falecimento de seu pai, que foi vítima de sarampo.
Segundo informações existentes no livro B-08, pertencente à secretaria da Paróquia de Nossa Senhora da Boa Viagem, tombo nº 80, página 52, no dia 27 de dezembro de 1931, diante do Mons. Francisco José Oliveira, contraiu matrimônio com Manoel Ximenes de Araújo, que nasceu no dia 17 de maio de 1913, sendo filho de Manoel Araújo Marinho com Júlia Ximenes de Aragão.
Desse matrimônio foram gerados treze filhos, seis homens e sete mulheres, sendo eles: Alfredo Terceiro Araújo, Cosmo Terceiro Araújo, João Vianey de Araújo, Luiz Carlos de Araújo, Manoel Ximenes de Araújo Filho, Maria Eneida de Araújo, Maria Zeneida Terceiro de Araújo Costa, Maria Júlia de Araújo Santos, Maria Nereida de Araújo, Silvia Terceiro Sampaio, Maria Sineida Araújo Navarro, Maria Elisabete Terceiro de Araújo e Francisco de Assis Terceiro de Araújo.
Faleceu na cidade de Fortaleza, prestes a completar 61 anos de idade, no dia 5 de dezembro de 1972.
Logo após o seu falecimento, o seu corpo foi trazido para a sua terra natal, onde recebeu as despedidas fúnebres que são de costume, sendo em seguida sepultado no túmulo da família existente no Cemitério Parque da Saudade, que está localizado na Rua Joaquim Rabêlo e Silva, nº 295, Centro.

Imagem do mausoléu da Família Terceiro, em 2013.

BIBLIOGRAFIA:

  1. NASCIMENTO, Cícero Pinto do. Memórias de Minha Terra. Fortaleza: Encaixe, 2002.
  2. PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DA BOA VIAGEM. Livro de registro de batismos. 1912-1913. Livro A-08. Tombo nº 250. Página 27.
  3. PARÓQUIA DE NOSSA SENHORA DA BOA VIAGEM. Livro de registro de casamentos. 1930-1936. Livro B-08. Tombo nº 80. Página 52.

HOMENAGEM PÓSTUMA:

  1. Em sua memória, na gestão do Prefeito José Vieira Filho – o Mazinho, através da lei nº 459, de 21 de março de 1988, uma das ruas do Bairro Vila Holanda, na cidade de Boa Viagem, recebeu a sua nomenclatura.