Ademir Carneiro de Freitas

ademir-carneiro-de-freitasAdemir Carneiro de Freitas nasceu no dia 28 de novembro de 1968 no Município de Boa Viagem, que está localizado no Sertão de Canindé, no Estado do Ceará, distante 217 quilômetros da cidade de Fortaleza, sendo filho de Cosme Carneiro de Freitas e de Maria Luísa de Sousa Freitas.
Os seus avós paternos se chamavam Canuto Vieira de Lima e Carmosa Carneiro de Freitas, já os maternos eram Raimundo Henrique de Sousa e Raimunda Antero da Silva.
É comerciante, sendo um dos sócios do grupo “Os Irmãozinhos”.
É casado com Ângela Rodrigues Pimentel de Freitas, que é nascida no dia 20 de março de 1968, sendo filha de Antônio Nunes Pimentel e de Antônia Rodrigues Pimentel.
Desse matrimônio foram geradas duas filhas, sendo elas: Victórya Lara Pimentel de Freitas e Lorena Pimentel de Freitas.
Nas eleições municipais que ocorreram no dia 5 de outubro de 2008, militando dentro dos quadros políticos do PMDB, o Partido do Movimento Democrático Brasileiro, decidiu concorrer a uma das cadeiras da Câmara Municipal de Vereadores e com a legenda nº 15.999 conseguiu receber 2.222 votos, sendo o vereador de melhor votação desse pleito.

Imagem de seu material de campanha.

Imagem de seu material de campanha.

No pleito eleitoral seguinte, que ocorreu no dia 7 de outubro de 2012, ainda na bancada do PMDB, com a mesma legenda do pleito anterior, desejando a sua reeleição, recebeu a confiança de 2.216 sufrágios, sendo o segundo vereador de maior votação dessa eleição.

Material de campanha - Ademir

Imagem de seu material de campanha.

Nessa campanha, embora o seu partido tenha optado em ficar dentro da coligação que apoiou ao Prefeito Dr. Fernando Antônio Vieira Assef, optou em correr o risco de perder o seu mandato ao apoiar a candidata Aline Cavalcante Vieira.

Imagem da sessão da Câmara de Vereadores que ocorreu no meio da rua.

Imagem da sessão da Câmara de Vereadores que ocorreu no meio da rua.

Nessa legislatura, fez parte do grupo de vereadores que preferia o nome do Vereador José Anchieta Paiva Chaves como presidente da mesa diretora do primeiro biênio, fato que gerou uma polêmica eleição e criou uma facção naquela casa que foi denominada pela imprensa local de “Grupo dos Oito”:

“Passando alguns dias, tornou-se o presidente do bloco formado pelos oito vereadores que acompanharam o seu nome [referindo-se ao Vereador José Anchieta de Paiva Chaves], sendo eles: Ademir Carneiro de Freitas, Antônio Alves Barbosa Júnior, Arnaldo Cavalcante Lima, Jessé Alves da Silva Filho, José Airto Vieira Lima, Jovino Mendes Neto e Rosana Clotilde Vieira Fernandes.” (SILVA JÚNIOR, 2016: José Anchieta Paiva Chaves. Disponível em http://www.historiadeboaviagem.com.br/jose-anchieta-paiva-chaves/. Acesso em 24 de outubro de 2016)

Depois disso, por meio das vias legais, esse grave imbróglio ético-político foi paulatinamente sendo sufocado pelos altos custos judiciais e por conta da lentidão de nossa justiça, que nunca julgou o caso, mas produziu algo de bom, pois forçou aos vereadores dessa legislatura a mudarem o regimento interno da Câmara, fazendo com que as eleições passassem a ser abertas.

Imagem de seu material de campanha.

Na convenção partidária que ocorreu no dia 30 de julho de 2016, na sede da Associação Atlética Boa-viagense, com a legenda nº 22, foram homologados os nomes de Aline Cavalcante Vieira ao cargo de prefeita e o seu nome ao cargo de vice:

“Foi realizada na noite deste sábado, dia 30 de julho, na sede da Associação Atlética Boa-viagense, a convenção do Partido da República (PR), que contou com apoio de 12 partidos, onde foram homologadas as candidaturas de Aline Vieira, do PR, a prefeita e Ademir Carneiro, do PMDB, a vice-prefeito, além de vários pré candidatos a vereadores (as). Participaram do evento o presidente estadual do PSD, Deputado Federal Domingos Neto; Patricia Aguiar, presidente estadual do PMB; Deputado Estadual Odilon Aguiar, Deputada Federal Gorete Pereira, superintendente do INCRA, Marcos Cals e o secretário de Estado do meio ambiente e sustentabilidade Artur Bruno.” (CRISTIAN, 2016. Convenção do PR homologa candidatura de Aline Vieira e Ademir Carneiro. Disponível em http://www.fjnoticias.com.br/2016/07/convencao-do-pr-homologa-candidatura-de.html. Acesso em 1º de agosto de 2016)

Nessa mesma noite, no mesmo instante em que ocorria essa convenção, nas dependências da Escola de Ensino Fundamental Pe. Paulo de Almeida Medeiros, ocorreu a convenção que definiu à segunda chapa do pleito, que foi formada por Rogério Vitor Campêlo e Antônio Gadelha, que possuía a legenda nº 54:

“Em convenção realizada na tarde de sábado, dia 30 de julho, nas dependências da Escola de Ensino Fundamental Padre Paulo de Almeida Medeiros, no Bairro de Nossa Srª de Fátima, foram homologadas as candidaturas de Rogério Campelo a prefeito e Antônio Gadelha a vice.” (CRISTIAN, 2016. PPL é o único partido que parte com chapa pura em Boa Viagem. Disponível em http://www.fjnoticias.com.br/2016/07/ppl-e-o-unico-partido-que-parte-com.html. Acesso em 1º de agosto de 2016)

Na noite anterior, também na Associação Atlética Boa-viagense, o grupo de situação formou a sua chapa, com a legenda nº 10, que foi composta pelos nomes do Empresário Adriano José da Silva e o Vereador Ezaú Fragoso da Silva.
Nessa ocasião ocorreu um acidente que por pouco não terminou em tragédia, gerando inúmeras chacotas por parte dos eleitores das correntes políticas adversárias. Sobre esse fato, que foi bastante especulado pela oposição, foi registrado da seguinte forma pela imprensa local:

“A convenção partidária realizada nesta sexta-feira (29), por volta das 19h, em Boa Viagem, na Associação Atlética Boa-viagense, foi marcada por um momento de grande susto para políticos e populares, onde o Partido Republicano Brasileiro (PRB), apresentava ao público seus pré-candidatos a prefeito, vice e vereadores quando o palco de alvenaria acabou literalmente caindo abrindo um buraco de aproximadamente 3 metros e derrubando o prefeito de Boa Viagem, Fernando Assef, deputados e  pré-candidatos que participavam da convenção. Apesar do susto, ninguém se feriu gravemente, resultando apenas em algumas pessoas com pequenos arranhões. No evento foram homologadas as candidaturas a prefeito e a vice-prefeito, de Adriano Silva (PRB) e Ezaú Fragoso (PHS).” (CRISTIAN, 2016. Convenção partidária é marcada por susto com desabamento de palco em Boa Viagem. Disponível em http://www.correiopedrabranquense.com.br/2016/07/30/em-boa-viagem-convencao-partidaria-e-marcada-por-susto-com-desabamento-de-palco/. Acesso em 30 de junho de 2016)

Pouco tempo depois desses fatos, na eleição municipal ocorrida no dia 2 de outubro de 2016, depois da abertura das urnas, a candidata Aline Cavalcante Vieira conseguiu receber 19.397 votos, sendo eleita prefeita do Município de Boa Viagem, já o candidato Adriano José da Silva recebeu apenas 11.383 sufrágios, enquanto Rogério Vitor Campêlo recebeu a confiança de 167 votos.